26 de fevereiro de 2013

PARTIDOS POLÍTICOS ACERTAM SOBRE A "LISTA FECHADA"


                   



                      Segundo o site do jornalista Gilmar Carvalho, a imprensa nacional ainda não divulgou a informação, mas o leitor de NE NOTÍCIAS sabe primeiro que os maiores partidos políticos já acertaram pontos da reforma política, em Brasília.

                      Já está acertada a introdução da lista fechada. Ou seja, Metade dos eleitos para a Câmara e a Assembleia será por ordem de escolha dos partidos e a outra metade, pela vontade do eleitorado.

                       Os partidos decidirão quem são seus candidatos prioritários. O primeiro da lista pode ser o último na vontade do eleitor, não importa. Para os partidos. vale o interesse da cúpula.

                       Também está decidido que as próximas eleições terão financiamento público, não admitindo o dinheiro da iniciativa privada. Como a corrupção eleitoral tende a continuar existindo, os maiores grupos econômicos usarão dinheiro da iniciativa privada apenas para a compra de votos, sujeitando-se à fiscalização do Ministério Público Eleitoral, de adversários e de eleitores decentes.

Fonte: Nenotícias.

DEBATE ACIRRADO NA CÂMARA DE VEREADORES


         




        Ontem (25), na Sessão da Câmara de Vereadores de Moita Bonita, o ponto de maior debate aconteceu entre os vereadores Gilvan Fonseca (PP) e a vereadora Leda Costa (PDT), chegando ao ponto do presidente da Câmara determinar o desligamento do microfone quando utilizado pelo vereador Gilvan. Depois a ordem foi estabelecida.

           Primeiramente o vereador Gilvan Fonseca apresentou um requerimento convocando a Secretária Municipal de Educação e uma representante do SINTESE, a fim de tirar dúvidas dos vereadores sobre a possível municipalização da “Escola Estadual Elias Andrade”. O presidente, Jailton Piedade (PSD) não colocou o requerimento em votação, mas se comprometeu a agendar uma data para o comparecimento da então Secretária de Educação em uma das sessões da Câmara. Gilvan propôs ao final de seu pronunciamento, a criação de uma comissão parlamentar a fim de visitar a Escola Municipal Terezinha Santana, para observar as instalações e quantidade de alunos nas salas de aula. Neste momento, o vereador queria saber do prefeito se os "laranjas" da administração passada ainda continua na dele, pois ele não admitia que quase 60 dias de novo governo o prefeito ainda não disse que são os secretários municipais. A vereadora Leda Costa não gostou do pronunciamento do vereador , e a partir daí começou um debate acirrado que acabou com a intervenção do presidente.

         Com a palavra, a vereadora Leda Costa (PDT), sobre a municipalização do “Elias Andrade”, enfatizou que a LDB diz que é “obrigatória a municipalização do ensino fundamental”, pois  é responsabilidade do município a educação fundamental.  Ressaltou a vereadora que sem dúvida,  caso o “Terezinha Santana” estiver com excesso de alunos, é mais um dos motivos para municipalização do “Elias Andrade”. Disse ao final da fala que ficou muito triste em saber, através da impressa, que o estado de Sergipe tem um dos piores IDB do país.

        Em seguida o vereador Bolo (DEM), disse que o grande o objetivo do Prefeito em conseguir a municipalização é a arrecadação de dinheiro, mas ficou preocupado, caso aconteça, com a situação dos professores lotados no “Elias Andrade” que estão há muitos anos naquela unidade escolar. Quanto as palavras da vereadora Leda, Bolo disse que não entendia o “choro” da vereadora que disse está “triste com o IDB do estado”. Segundo o vereador, a colega Leda Costa, que se diz "educadora", teve a oportunidade de melhorar a educação do município, e não o fez, principalmente por não ter valorizado os professores na época da sua administração.  Bolo encerra as palavras  dizendo que a família da vereadora está há muitos anos no poder, e ate agora não se propuseram a implantar uma “Biblioteca Municipal” para enriquecer os conhecimentos dos alunos. Então não adianta reclamar do IDEB se aqueles que têm a responsabilidade administrativa não contribuem para melhorar.

       Usaram as palavras a vereadora Vaninha (PDT), que disse que vai esperar a presença da Secretária de Educação para melhor se inteirar da situação da municipalização do “Elias Andrade”, e também fez referência sobre os comentários da possível mudança do dia da feira, onde acredita que o prefeito deverá ouvir todos os segmentos da sociedade. Neste momento, o presidente da Casa Legislativa sugeriu a realização de um plebiscito sobre o assunto.

    O vereador Tubaína (PSC) ao usar a tribuna, pediu ao prefeito uma atenção especial aos alunos do Sitio Cancela, pois recebeu reclamações de que os ônibus escolares não estão passando na localidade, e muitas alunos, inclusive crianças, estão vindo a pé ou de moto, algo inadmissível. O vereador Jailton comprometeu conversar com o prefeito sobre o assunto.

    Ao final o presidente da Câmara propôs conversar com os vereadores sobre a possível alteração no horário de início das sessões, que seria a partir das 18 horas. Todavia, pelo que observamos, a proposta ainda não foi bem aceita pelos demais vereadores.

  Próxima sessão amanhã (27), a partir das 19 horas. Faça valer sua cidadania! Compareça.

24 de fevereiro de 2013

ONDA VERDE PRESTIGIA O LANÇAMENTO DO PSC JOVEM

                              



                                          Alguns membros da ONDA VERDE, juntamente com membros da Diretória Estadual e os deputados André Moura (PSC) e Venâncio Fonseca (PP), estiveram ontem na Câmara de Vereadores de Itabaiana, e prestigiaram o lançamento do PSC Jovem Itabaiana.

                       Durante o e evento, o líder político do grupo, EDMILSON SINDÔ, em contato o deputado federal André Moura, iniciaram os contatos para o lançamento da "Caravana Verde" na cidade de Moita Bonita;

                      O momento foi muito importante para a ONDA VERDE, pois a mesma já se torna um dos blogs mais acessados no Estado de Sergipe para aqueles que pretendem uma mudança verde em Sergipe. Venha você também ser VERDE".

MUNICIPALIZAÇÃO DO ELIAS SERÁ ASSUNTO NA CÂMARA DE VEREADORES

         



                       Em conversa a pouco minutos com o vereador GILVAN FONSECA (PP), fomos informados que um dos temas do pronunciamento do parlamentar na sessão da Câmara de Vereadores de amanhã, dia 25,  será a possível municipalização da Escola Estadual Engenheiro Elias Andrade. 

                Gilvan ressaltou que a maior preocupação dele consiste em saber como ficarão, caso aconteça a municipalização da escola, a situação dos professores que ali estão lotados, pois a grande maioria reside em Moita Bonita e estão há muitos anos prestado serviços naquela escola.

            O vereador também informou que deverá apresentar um requerimento para ser apreciado pelo Plenário, a fim de solicitar a presença da Secretária Municipal de Educação e da Representante do SINTESE para tirarem as dúvidas dos vereadores. Gilvan disse ainda que pretende convidar os colegas vereadores para criar uma comissão no sentido de visitar a Escola Municipal Terezinha Santana, pois segundo informações estão com salas super-lotadas e também visitar o "Elias Andrade" para saber a viabilidade da escola.

             O vereador Gilvan Fonseca disse que amanhã poderá apresentar uma denúncia que ele considera grave que envolve um possível "boicote" por parte de alguns no sentido de inviabilizar as matrículas no "Elias Andrade". Disse que vai buscar mais informações no dia de hoje, e caso seja verdade amanhã fará o pronunciamento.

           A sessão de amanhã promete. Faça você também sua parte, compareça a sessão da Câmara de Vereadores de Moita Bonita, a partir das 19 horas, e torne-se cidadão!


AMORIM - VALADARES - JOÃO. JUNTOS?


        


          Ontem no jantar entre membros da ONDA VERDE e a executiva estadual do PSC, a conversa principal foi eleições 2014, e entre os assuntos abordados, quais as alianças prováveis na composição chapa majoritária.

         Uma coisa é certa! as alianças das eleições 2014 serão decididas em Brasília, pois caso o Governador de Pernambuco Eduardo Campos (PSB) seja confirmado como candidato a presidente da República, a aliança Eduardo Amorim e Antônio Carlos Valadares estará fechada.

             Inclusive, os nome s que irão compor a chapa majoritária para 2014 a fim de enfrentar o grupo de Marcelo Déda também já está especulada como sendo: Eduardo Amorim (governador), Valadares Filho (vice-governador) e João Alves Filho ou Mendonça Prado (Senador).

            2014 já chegou!

21 de fevereiro de 2013

VEREADORES AINDA NÃO FORMARAM AS COMISSÕES


               


                  Na sessão de ontem (20) na Câmara, os vereadores ainda não chegaram ao consenso para a composição das Comissões Legislativas. Por conta do impasse, os projetos não poderão tramitar na Câmara dos vereadores.

                   Para melhor entender

                Antes do  projeto ser votado, é necessário que a mesa diretora, após recebimento, encaminhe-o  para as comissões legislativas correspondentes.   de acordo com a natureza do projeto apresentado.

          Ao chegar nas Comissões, que é composta por três vereadores, o projeto será discutido e em seguida, os membros das comissões, através de um relator, apresentará o parecer do projeto. Aprovados os pareceres, então, o projeto será discutido e votado em plenário, aprovado ou rejeitado.


        De acordo com o Regimento Interno da Câmara de Vereadores de Moita Bonita, é necessário a formação de 04 Comissões (Constituição e Justiça/ Finanças e Orçamento/ Obras e Serviços Públicos/ Educação, Saúde e Assistência),  e na sessão de ontem,  os vereadores não conseguiram um consenso na formação.

      Espera-se que na próxima sessão, que acontecerá na próxima segunda-feira (25/02), a partir das 19horas,   os vereadores possam formar as comissões legislativas, pois neste semestre alguns temas importantes precisam urgentemente serem discutidos em plenário, tais como: a possível mudança do dia da feira-livre, o reajuste dos servidores públicos municipais, a implantação do piso do magistério para 2013 ao professores municipais e a doação de recursos municipais ao Real Moitense. Além de muitas situações que vem assolando os moradores dos povoados, precisando urgentemente de ações do poder público.

Foto: emmoita.com

CARAVANA DO PSC JOVEM ESTARÁ EM ITABAIANA


                           


                       Acontecerá no próximo sábado, 23, no Plenário da Câmara de Vereadores de Itabaiana, o lançamento do diretório municipal do PSC Jovem a partir das 15 horas. 

                           O evento, que contará com a presença de autoridades estaduais e municipais está sendo organizado pelos jovens itabaianenses André Carvalho e Júnior Carvalho.

                         Na pauta do evento haverá apresentação do Projeto PSC Jovem de Sergipe, seus objetivos, metas e diretrizes, que fundamentarão os padrões dos futuros diretórios que forem sendo criados em cada município do nosso Estado, no decorrer do ano. 


                       Também está confirmada a presença do Senador Eduardo Amorim e do deputado federal André Moura.

19 de fevereiro de 2013

COMEÇARAM AS SESSÕES


  

   

     Na primeira sessão da legislatura houve a apresentação de Projeto de Lei  encaminhado pelo Executivo, solicitando destinação de percentual do FPM para o "Consórcio do Lixo", que será implantado para beneficiar o saneamento básico nas cidades do Agreste.

    Ocorre que o projeto foi tirado de pauta, não indo para votação, uma vez que fora encaminhado pela ex-prefeita Grasielle Costa no mês de dezembro, e somente agora a mesa diretora colocou em pauta. Sobre o protesto do vereador Gilvan Fonseca (PP), que entendeu a necessidade de que o novo prefeito de Moita Bonita fizesse um reenvio do projeto, pois o mesmo gerará despesa para o município, e portanto havia necessidade da concordância do atual administrador.   Apoiado pelos demais vereadores, o então projeto fora retirado de pauta, e deverá ser encaminhado, se achar necessário, pelo o prefeito.

   Em outro momento, o vereador Jorgenaldo Barbosa – Bolo (DEM), solicitou ao prefeito que se encaminhe com mais urgência possível  para Câmara de Vereadores, projeto de lei que fixa o piso nacional dos professores em R$ 1.567,00, conforme determina Lei Federal.

     O vereador Bolo encerrou o pronunciamento fazendo referência às pessoas que trabalham na limpeza pública do município, onde muitas delas recebem pouco mais de R$ 200,00, ou seja, inferior ao salário mínimo que é de R$ 678,00. Pediu o vereador que o prefeito regularize a situação desses servidores, que na sua maioria são humildes, necessitando ser tratados com mais dignidade por parte do gestor público, pois caso contrário, se tal situação chegar ao conhecimento do Ministério Público do Trabalho a prefeitura poderá ser penalizada.

    Bolo destacou, a fim de fundamentar os pedidos de fixação do piso dos professores e do aumento nos salários dos funcionários da limpeza pública, que a Câmara está na expectativa de receber do Executivo, um projeto de doação de valores acima de R$ 100.000,00 em favor do “Real Moitense”, razão que entende o vereador, que se o município tem dinheiro para doar ao clube de futsal, tem então dinheiro para melhorar as condições de salariais dos servidores.

   A próxima sessão acontecerá amanha, dia 20, e todos são convidados para também participarem, pois é importante a presença do cidadão na vida social e política do município.


SINTESE SE REUNI COM PROFESSORES EM MOITA BONITA

                        


                          Ontem, professores da rede municipal se reuniram com o SINTESE na sede do clube local, onde durante toda a manhã discutiram sobre o tema "A ESCOLA QUE DESEJAMOS". Um dos pontos de   reflexão foi o "Índice Guia", método de avaliação dos professores que deseja implantar o Governo do Estado, desrespeitado por completamente direitos adquiridos pelos professores.

                Na avaliação dos professores foi um momento importante, e que deve acontecer novamente, e deverá ser ampliado com a participação de outros profissionais da rede de ensino.


CONFLITO


                  



             O jornalista Edvanildo Santana, em seu programa "NA BOCA DO POVO", disse que recebeu uma informação afirmando que Bosco Costa “mandou um recado desaforado para o governador Marcelo Déda, dizendo que não deixa o DETRAN, se quiser, o exonere”.

              A questão gira em torno de que a exoneração de Bosco Costa está muito próxima, e existem quatro pretendentes para o cargo, entre eles, o ex-prefeito Luciano Bispo, uma vez que Bosco Costa é ligadíssimo ao grupo Teles de Mendonça, oposição a Luciano. Parece que Bosco não quer ir para Brasília.

15 de fevereiro de 2013

EDITAL DE LICITAÇÃO

                          A Prefeitura Municipal de Moita Bonita abriu edital para aquisição de material médico-hospitalar pela modalidade de menor preço, que acontecerá no próximo dia 22 de fevereiro, às 09horas. Os interessados podem adquirir o edital completo na sede da prefeitura. Confira o aviso de licitação abaixo:




RAPIDINHAS DA SEMANA

                             


                              O articulista Diógenes Brayner, na coluna "PLENÁRIO", divulgou a possibilidade de que o ex-prefeito de Itabaiana, Luciano Bispo, possa assumir a presidência do DETRAN no próximo mês no lugar de Bosco Costa.

                Em troca, Bosco Costa deverá assumir uma vaga na Câmara Federal, uma vez que o Governador Déda convidou o deputado federal Márcio Macedo para assumir a Secretaria Estadual do Desenvolvimento Urbano, assumindo assim em seu lugar o suplente Bosco Costa, que deverá fica como deputado até março do próximo ano.
_________________________________________________________________





                    Próxima segunda-feira iniciam os trabalhos na Câmara de Vereadores de Moita Bonita, informações dão conta que o primeiro projeto que será enviado para a Câmara é o pedido de repasse do dinheiro público para o "Real Moitense". Segundo as informações, o valor será muito superior ao que fora solicitado na administração passada.

_________________________________________________________________



                         O líder político Edmilson Sindô nesta carnaval recebeu o convite do Deputado Federal André Moura e do Senador Eduardo Amorim para conhecer a cidade de Pirambu. Lá Edmilson "pulou" o carnaval e "conversou" muito sobre política. Novidades pela frente!

_________________________________________________________________

                                                           

13 de fevereiro de 2013

PROTEÇÃO AOS PROFESSORES


                             



                                      Aguarda decisão da Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) o projeto de lei que estabelece medidas de socialização e de proteção a casos de violência contra professores. A proposta, de autoria do senador Paulo Paim (PT-RS), foi aprovada pela Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE).

                               Na CDH, a matéria já havia recebido relatório do senador Ricardo Ferraço (PMDB-ES) pela rejeição. Porém, os senadores Paim e Cristovam Buarque (PDT-DF) requereram a realização de audiência pública para discutir o assunto com especialistas. Com isso, o relator decidiu reexaminar o projeto de lei do Senado (PLS 191/2009). Segundo a assessoria de Ricardo Ferraço, ele discutiu o assunto com a categoria e vai apresentar substitutivo à proposta para garantir segurança aos profissionais de educação.

O projeto

                             De acordo com a proposta, configura violência contra o professor ações, em razão da relação de educação, praticadas direta ou indiretamente por aluno, seus pais ou responsáveis legais e que causem lesão corporal, dano patrimonial ou morte do docente no exercício da profissão.
Pelo projeto, as escolas deverão instituir mecanismos internos para solucionar conflitos entre professores e alunos, bem como manter equipe multidisciplinar com profissionais das áreas psicossocial e de saúde.

                             Segundo Paulo Paim, a iniciativa da proposta deve-se a dados apresentados em estudo das pesquisadoras Tânia Mendes e Juliana Mousquer, que mostram a violência contra professores e o sentimento de insegurança que enfrentam na sala de aula. De acordo com a pesquisa, em 2003, 86% dos professores admitiram haver violência em seu ambiente de trabalho.

                                        Esse estudo, como observou o relator da matéria na CE, o ex-senador Gerson Camata (PMDB-ES), indica que 89% dos docentes gostariam de contar com normas legais que os protegessem de agressões por parte dos estudantes. "A proposição surge, de maneira louvável, como forma de proteger os docentes", disse Camata em seu parecer pela aprovação da matéria.
Na CDH, o senador Ricardo Ferraço apresentou um primeiro relatório opinando pela rejeição do projeto por entender que a proposta poderia limitar a aplicação do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA - lei 8.069/1990). Ele argumentou no texto que as medidas socioeducativas sugeridas no projeto não apresentam inovações relevantes em relação ao que já está previsto na legislação vigente. 

                          Ricardo Ferraço ponderou ainda em seu primeiro relatório que a sociedade brasileira já superou e abandonou o método repressivo para investir em educação para a cidadania, mais condizente com um estado democrático. Disse também que a violência verificada nas escolas pode ter relação com o despreparo de muitos profissionais da educação para lidar com o problema. Ele sugeriu investimento na qualificação dos profissionais, bem como no envolvimento de pais, alunos, educadores, polícia e comunidade para construir um ambiente de segurança.

                          Depois da decisão da CDH, a matéria será examinada pela Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ), na qual receberá decisão terminativa. Se aprovada e não houver recurso para exame pelo Plenário do Senado, poderá seguir para a Câmara dos Deputados.
Fonte: Agência Senado

O Globo: Eduardo Campos dirá a Lula que será candidato em 2014


                                       



                                             Figura mais presente nas polêmicas da política nacional nas últimas semanas, desde que deu o sinal verde para aliados entrarem em campo, o governador de Pernambuco e presidente do PSB, Eduardo Campos, só aguarda agora que o ex-presidente Lula marque a data do encontro pedido para depois do carnaval — quando deverá comunicar-lhe, pessoalmente, que não está disponível para vice na chapa de Dilma Rousseff e que é irreversível o desejo do partido de lançá-lo presidente já em 2014.

                                    Mesmo com encontros previstos com Lula e no palanque ao lado de Dilma dia 18, em Pernambuco, Eduardo Campos já tem uma extensa agenda para seu projeto pessoal de tornar-se conhecido nacionalmente. E a grande estreia de sua caravana pelos estados será em um ambicioso evento dia 9 de abril, quando pretende falar para cerca de 5 mil empresários em Porto Alegre.

Valadares

                                    Em Sergipe, o senador Antônio Carlos Valadares (PSB) declarou, após NE NOTÍCIAS ter reproduzido informação do jornal Valor Econômico, de que Eduardo Campos será candidato a presidente da República em 2014, que seu partido não o convidou para ser candidato a governador nas próximas semanas.

Proinveste e reforma do secretariado são as prioridades de Déda


                       


                  Passado o Carnaval, o governo do estado vai se debulhar de vez no encaminhamento da parte final de sua reforma política e de autorização para contrair um empréstimo de R$ 727 milhões junto ao Programa Proinveste, do Governo Federal. Nos dois casos, as negociações estão bem adiantadas e até o início de março, no mais tardar, os dois “problemas” estarão resolvidos.

                      O governador Marcelo Déda deseja conquistar a maioria na Assembleia Legislativa e esse tema segue junto com a reforma e, quem sabe, o Proinveste, que deixará de ser uma proposta unicamente governista para assumir dimensão pactuada com parlamentares da situação e oposição.

                     Aposta-se hoje na aprovação do empréstimo, em um bom final para a reforma administrativa, mas ninguém acredita que Déda conquiste a maioria no parlamento estadual.

8 de fevereiro de 2013

RAPIDINHAS





          Os moradores que residem em frente a “Orlinha”, estão sofrendo com a poeira em dias de festa, quando aumenta o fluxo de veículos no estacionamento, prejudicando a saúde, principalmente, de crianças e idosos.
            Procuraram a prefeitura para molhar o estacionamento, e foram informados que nada poderiam fazer. Assim, contrataram um carro-pipa e pagaram a quantia de R$ 200,00 para molhar o estacionamento da “Orlinha”, uma vez que o estacionamento não é calçado. Esperam os moradores que em dia de festas a prefeitura manda-se um carro-pipa no local.

_________________________________________________________________
Municipalização 

          Na última segunda-feira aconteceu a reunião no “Elias Andrade” envolvendo o SINTESE e os professores, o tema discutido foi a possível “Municipalização do Elias”. Segundo informações, o pedido existe por parte da prefeitura de Moita Bonita, todavia, o Secretário ainda não se posicionou sobre o assunto. A municipalização envolve muitos trâmites legais. Portanto, fica praticamente descartada para este ano de 2013. Professores ficaram alerta acompanhando os acontecimentos.
_________________________________________________________________

Cadê os salários? 

           Os professores da rede municipal ainda não receberam os salários do mês de dezembro.  Eles deverão receber os salários de forma parcelada, apesar da prefeitura ter dito que pagaria no dia 10 de janeiro.

_________________________________________________________________

Repasses de janeiro

               No mês de janeiro de 2013, o município de Moita Bonita recebeu a título de repasses obrigatórios a quantia de R$ 1.148.566,29 C, sendo que desde valor R$ 434.016,70 C ficaram destinado ao Fundo de Desenvolvimento do Ensino Básico – FUNDEB. Mais informações dos repasses do mês de janeiro/2013 em https://www42.bb.com.br/portalbb/daf/demonstrativo.bbx?cid=5313





5 de fevereiro de 2013

POPULAÇÃO DA "ORLINHA" FAZ RECLAMAÇÃO


                                   


                                      Um descaso. Os moradores que residem na frente da “orlinha do açude”  vem sofrendo com a poeira em suas casas, onde piorou por conta de uma festa que aconteceu no dia 27,  pois a quantidade de veículos no estacionamento da “orla” fez ceder o selão, e com o vento a poeira torna-se um problema.

                                   Algumas pessoas procuraram a prefeitura de Moita Bonita solicitando um carro-pipa para molhar o local e tentar amenizar o problema. A resposta foi de que não podiam fazer nada, porque a prefeitura não tem carro-pipa.

                                    Indignados pela falta de compromisso do município, os moradores pagaram um carro-pipa para molhar o estacionamento da “orlinha”. Os senhores administradores deste município devem entender que naquele local moram muitas crianças e pessoas idosas, sendo estas as que mais sofrem, principalmente por questões respiratórias.

                                    Neste momento, pedimos ao senhor prefeito, em nome dos moradores da “orlinha do açude” que dê mais atenção naquela localidade, proporcionando carro-pipa para molhar periodicamente o estacionamento, principalmente nos finais de semana ou em dia de festas, pois a movimentação de veículo é grande.

                                   Não possuir um carro-pipa não é desculpa, o município pode muito bem contratar um deste, e assim garantir melhor qualidade de vida aos moradores da “orlinha”.

                                   Pedimos aos senhores vereadores, que no dia 15 retornam aos trabalhos legislativos que discutam o problema em plenário, fazendo também cobrança ao prefeito, sem esquecer, que o estacionamento da “orlinha’ ainda não foi terminado, precisa ser concluído, pois se vocês já esqueceram, o então governador Marcelo Déda, ainda no seu primeiro mandato prometeu ajudar a ex—prefeita a concluir o projeto da “Orla do Açude”, e até agora nada.

                                   Esperamos que a atual administração conclua o projeto, assim dará melhores condições aos moradores que residem próximo e permitirá um local mais viável para as festas que acontecem ali.

                                  Importante a sua participação sobre o tema. Comente e faça a sua reflexão, e assim começamos a construir uma sociedade participativa.


4 de fevereiro de 2013

MUNICIPALIZAÇÃO DO ELIAS - REUNIÃO HOJE


                 



                   Acontece agora pela manhã (04), na escola Elias Andrade, uma reunião entre os professores e membros do SINTESE. O assunto em pauta – A MUNICIPALIZAÇÃO DO “ELIAS ANDRADE”.

                    Semana passada,  divulgamos que técnicos da SEED/SE estiveram na Escola Estadual Engenheiro Elias Andrade com o propósito de vistoriar a possibilidade de municipalização daquela escola.

                   A notícia criou um clima de tensão e de instabilidade, levando alguns professores a se dirigirem ao Promotor de Justiça da cidade de Moita Bonita. Neste final de semana, a possibilidade da municipalização ganhou força, inclusive, chegou ao nosso conhecimento que a municipalização não é somente do prédio, mas de todo o ensino fundamental do “Elias Andrade”.

                 Por isso, foi então convocada uma reunião de urgência para esta manhã, onde serão discutido os propósitos da municipalização, sugestões e ações por parte daqueles profissionais. A situação se agrava a cada minuto. É mudança começando na educação de Moita Bonita. E você? o que acha da municipalização do Elias?